Diga não à improdutividade no trabalho

Tempo de leitura: 2 minutos

Ao exercermos alguma atividade, como bordar e costurar, por exemplo, nós utilizamos dois recursos básicos nesses trabalhos que são a nossa capacidade de foco e nossos recursos mentais. 

Na medida em que vamos trabalhando, esses recursos se gastam e é aí que entra a importância de darmos intervalos entre as nossas várias atividades.

Quando nossa capacidade de foco diminui muito, significa que precisamos parar de trabalhar porque os recursos mentais utilizados na solução de problemas, na atenção e no raciocínio, por exemplo, precisam ser renovados.

Por mais encomendas que você tenha para entregar, procure dar intervalos no seu trabalho porque bordar e/ou costurar sem nenhuma pausa só aumentará a sua dificuldade em finalizar a peça.

Outra dica para não se tornar improdutivo é organizar bem o seu tempo. Compre uma agenda e anote aquelas tarefas fixas que dificilmente mudarão de horário (aula de dança, fazer o jantar, levar e buscar os filhos à escola, por exemplo). Deixe alguns horários vagos para pendências que vão surgindo ao longo da semana (consulta médica, contas a pagar…). Depois observe quanto lhe restará de tempo e estabeleça metas como: a quantidade de bordados que deseja criar (em um dia, semana ou mês), número de horas-aula que almeja fazer para aperfeiçoar ainda mais suas técnicas, número de peças que precisa vender para obter um lucro x, etc.

Agenda

Se achar necessário, converse com seus amigos e familiares sobre a importância de você ter horários definidos para realizar seus bordados. Infelizmente, algumas pessoas têm dificuldade para entender que você não está disponível o tempo todo para receber visitas, bater papo ao telefone ou até mesmo responder uma mensagem no Whatsapp. É preciso que nada interfira no seu trabalho e que aquele tempo que você reservou para bordar, seja exclusivamente para isso. Mesmo que seja a máquina a responsável por fazer boa parte do trabalho, é preciso que você esteja concentrada naquela tarefa, já que cada bordado demanda uma entretela apropriada, uma agulha própria, uma técnica diferente. Um detalhe não observado pode prejudicar e muito o bordado. Tempo e concentração devem ser seus aliados para que você possa criar peças incríveis, cheias de detalhes delicados e que lhe darão bons lucros!

Não se esqueça de dar pausas no trabalho, certo?

Esperamos que você tenha gostado de nossas dicas!

Até o próximo post!

Comentários

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.