Cuidados que costureiras e bordadeiras devem ter com objetos cortantes

Tempo de leitura: 1 minuto

Se você trabalha com bordados e/ou costuras, sabe bem que é impossível viver longe de objetos cortantes como tesouras, e também de objetos que podem facilmente furar a pele de dedos e mãos, como as agulhas e os alfinetes.

Ninguém merece viver com as mãos furadas e cortadas, por isso ao manusear esses objetos, é preciso muita cautela, sutileza e calma para que nenhum dano ocorra à pele.

Para evitar furos com alfinetes e agulhas, a dica é colocá-los em almofadinhas, ou algum local que você consiga puxá-los por cima.

01

Já as tesouras, procure guardá-las em caixas destinadas somente a esse fim. Evite deixá-las espalhadas, principalmente se tiver crianças no local. Tesouras podem ferir e muito; e não só com cortes, mas também com hematomas se ela cair de uma altura elevada e bater no seu pé ou no de alguém.

O abridor de casas é outro item que merece um cuidado especial. Na pressa de terminar logo o serviço, ele pode ser uma arma. Isso porque pode furar o seu dedo ou a sua mão com profundidade (já que é preciso exercer uma leve força sobre ele para ir cortando as linhas).

001

As agulhas, tanto as manuais, quanto as de máquina, precisam estar sempre novas e em bom estado. Jogue fora agulhas enferrujadas, tortas ou que não estejam oferecendo segurança por algum motivo. Elas podem quebrar seus fragmentos podem atingir você ou alguém próximo.

02-01

Todo cuidado é pouco quando se trata de objetos cortantes e que podem furar a pele com facilidade. É preciso estar bem atenta(o) para que nada de ruim aconteça.

Prevenir é sempre o melhor remédio. 😉 

Esperamos que você tenha gostado das dicas!

Até o próximo post!

Abraços especiais da equipe Delta Bordados!

Comentários

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.